Lançamentos resenha

Resenha | Boletos Antiaderentes: Tia Maria’s Pensão & Bistrô

O suprassumo do conceito utópico que o retrô se tornou hospeda-se no Tia Maria’s Pensão & Bistrô. Musical, divertido, irreverente e com uma incrível receita do delicioso bolo de milho da saudosa Pensão da Tia Maria, mas lembre-se de fazer num liquidificador bordô para ser mais “modernete”.
Foto divulgação por Txai ILG

“Tia Maria’s Pensão & Bistrô” é o nome do primeiro disco da banda Boletos Antiaderentes, de São Lourenço/MG.

Quem me conhece sabe: eu amo nomes de bandas, discos e músicas que fogem do padrão, quanto mais diferente, estranho, divertido ou longo melhor. Não sei explicar o motivo, mas talvez a irreverência de utilizar esses nomes seja o que me pega.

Quando li que o álbum se chamaria “Tia Maria’s Pensão & Bistrô” eu tive a certeza que iria amar o disco, e não deu outra!

Boa noite, posso anotar o seu pedido?”

Assim sou bem recebido no “Tia Maria’s Pensão & Bistrô” Depois são guitarras em um ritmo acelerado e críticas aos enlatados que somos “obrigados” a consumir, sejam nas prateleiras do supermercado ou na TV e rádio.

Macarrão Instantâneo”, canção de abertura, é um rock and roll bem perto da sua essência: rápido, ácido e alucinante, bem diferente do miojo da pensão que, com certeza, é aquele tomate Turma da Mônica que só dá brisa pois deixa tudo vermelho.

Foto divulgação por Txai ILG

Por cada canção vamos nos sentindo mais próximos de um universo criado baseado na desaprovação da aura hipster-gourmet. Este é um ponto que percorre todo o disco, e algo que o Boletos Antiaderentes traz desde sempre: o picolé recheado de 1,50 que virou um sorvete fresco de 12 reais com algumas gramas a mais e o mesmo sabor.

“Tia Maria’s Pensão & Bistrô” um dia deve ter sido Pensão da Tia Maria ou Pousada da Maria, mas o raio gourmetizador chegou (para assolar o ambiente, a comida, a cultura – como esse raio é capaz de fazer com qualquer tipo de coisa), e como diz a banda:

“É nesse bistrô que você pode encontrar escritores existencialistas dividindo um cigarro com cantores de brega, entre o café ou os destilados, e essa conversa é música para os nossos ouvidos. Assim, o Tia Maria’s é como se fosse o palco de todas as variadas confissões apaixonadas e prosas ácidas (algumas lisérgicas, outras apenas críticas…) que esse disco tem pra contar”.    

Além das guitarras muito presentes, teclados e sintetizadores também fizeram seu papel fundamental na construção das músicas.

Em “Chá com a Rainha” o teclado chega ao estrelato: horas pontuais, horas frenético, mas essencial para a sonoridade malucóide que fala do jovem pseudo-fino que tenta se comportar igual aquela velha brega reptiliana.

Ouça a canção Chá com a Rainha

Já em “Bisnaguinha Integral” os sintetizadores trazem uma aura lunática orbitante que flutua junta pelo espaço com as notas jazzísticas da guitarra que serão contempladas com um mini mini mini pão marrom aproximadamente apenas 31% farinha de trigo integral e 30,99999% farinha de trigo enriquecida com ferro e ácido fólico e fermentação natural. (por favor, leiam o rótulo dos alimentos).

Antes de sair o “Tia Maria’s Pensão & Bistrô”, a Boletos Antiaderentes lançou três singles: “Cê Tá Pensando Que Eu Tô Na Disney” e “Chá Com a Rainha”, além de “Café Gelado”, que me lembrou algumas canções do primeiro álbum da banda O Terno, tanto na sonoridade como nas letras.

O Disco

Capa do disco por Txai ILG

“Tia Maria’s Pensão & Bistrô” foi gravado em Julho de 2019 no estúdio Mato Records, do produtor Renato Cortez (grande baixista e fundador da banda Seychelles).

Além da produção, Renato também foi o responsável pela mix. Depois o álbum veio pelas “ondas internéticas” para São Paulo, sendo masterizado por Arthur Joly.

Por incrível que pareça, o disco foi gravado em apenas seis dias no estúdio, que fica no interior rural de Carmo de Minas.

O suprassumo do conceito utópico que o retrô se tornou hospeda-se no “Tia Maria’s Pensão & Bistrô”. Musical, divertido, irreverente e com uma incrível receita do delicioso bolo de milho da saudosa Pensão da Tia Maria, mas lembre-se de fazer num liquidificador bordô para ser mais “modernete”.

___________________________________

Encontre a Banda:

Ouça o Disco:

Leia Também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: