Lançamentos resenha

Com mais de 50 anos de história na música, Índio da Cuíca acaba de lançar seu primeiro disco solo

70 anos completos. Mais de 50 anos de carreira. Índio da Cuíca é um ícone da música brasileira, reverenciado no mundo todo e agora ainda mais por todos nós nesse seu primeiro disco solo: “Malandro 5 Estrelas”.
Foto divulgação por Alfredo Alves.

Malandro 5 Estrelas” é o nome do primeiro disco solo do lendário instrumentista carioca Índio da Cuíca.

História [substantivo feminino].
Reunião e análise das informações ou dos conhecimentos sobre o passado e sobre o desenvolvimento da humanidade, de um povo, de uma ciência ou arte; de uma cultura, região ou de um indivíduo determinado: história da matemática; história do Brasil.

É a história da música brasileira. História do samba. História de um dos artistas mais importantes do Brasil em todos os tempos. É raiz. É chão. É cadência. É malandragem. É sabedoria.

Malandro 5 Estrelas é a obra que consagra um dos maiores, se não o maior músico do samba. O rei (ou mago) da cuíca, o gigantesco Índio da Cuíca, nascido no morro do Borel, Zona Norte do Rio de Janeiro, no dia 05 de maio de 1951, recém completados 70 anos, recém lançado seu primeiro trabalho solo.

Por mais que a maioria de nós não conhecemos toda a obra de Índio da Cuíca (que já deu volta ao mundo e tocou com artistas como Alcione, Jair Rodrigues e Roberto Carlos), é impossível não reverenciar este artista quando olhamos para trás e vemos tudo o que ele já fez pela música brasileira. São mais de 50 anos de carreira, multi-instrumentista, cantor, compositor e dançarino, é um ícone de samba, é a cara do carioca, a cara do Brasil.

O disco “Malandro 5 Estrelas” é uma forma de expressão extremamente autêntica de Índio da Cuíca, a personificação em sonoridades de toda uma vida dedicada a fornecer alegria para as rodas de samba, os churrascos de família, as festas com os amigos e tantas outras ocasiões que, infelizmente hoje, estamos privados de viver.

Não sou um grande conhecedor de toda a obra que acerca o samba, muito menos sei tocar qualquer instrumento deste estilo, menos ainda uma cuíca. Porém é inegável e claramente perceptível que Índio da Cuíca tem a expertise de tocar o instrumento, parece algo extremamente técnico, ele faz o instrumento cantar.

Não só o instrumento canta, ele também. Índio traz um expressivo timbre médio-agudo, trabalhado com grande sensibilidade rítmica. “Chora, chora cuíca chora, que eu também quero chorar”.

Ouça a música Cuíca Malandra / Cuíca Encantada

Em “Malandro 5 Estrelas” vemos Índio da Cuíca cantando, tocando violão, pandeiro, berimbau, reco-reco, cavaquinho e, é claro, sua cuíca. O músico já tocou e dançou em vários lugares icônicos do Brasil e do mundo, passando por Europa, EUA, Peru, Austrália, Panamá, Indonésia, Marrocos, Zimbábue, Síria, entre outros. Agora podemos ter suas canções, deste primeiro trabalho solo, em nossos fones de ouvido, e espero que logo também estejam tocando em nossas reuniões familiares e com amigos.

O Disco

Capa do disco por Mariana Mansur e Lucas Pires baseado nas ilustrações de Shirlei Oliveira, esposa de Índio da Cuíca

Desde o início da produção de “Malandro 5 Estrelas seguiu-se a ideia de que os músicos estivessem reunidos em estúdio para tocar juntos, aproveitando o som da sala. Aplicando efeitos de maneira pontual, a mixagem de Renato Godoy aproveita essas características para ampliar o leque de sonoridades do samba contemporâneo.

Com direção musical e arranjos de Gabriel de Aquino — Grammy Latino de melhor disco com Martinho da Vila em 2016 — e codireção do músico, cuiqueiro e pesquisador Paulinho Bicolor, “Malandro 5 Estrelas” representa a síntese musical e cultural que Índio da Cuíca reuniu em décadas de experiência com a música, a dança e os palcos.

As canções ganharam outra vida pelas mãos dos arranjos de Aquino e de músicos extraordinários como Alaan Monteiro (cavaquinho, bandolim), o próprio Gabriel de Aquino (violão), Luizinho do Jêje (percussões), Pedrinho Ferreira (percussões), Guto Wirtti (baixo acústico, baixo elétrico) e Luiz Otávio (teclados).

Além do samba, o disco “Malandro 5 Estrelas” passa por outros estilos, como calangos, boleros, capoeira, vassi para Ogum, funk carioca e outros ritmos afro-brasileiros. O álbum é um lançamento do QTV Selo.

70 anos completos. Mais de 50 anos de carreira. Índio da Cuíca é um ícone da música brasileira, reverenciado no mundo todo e agora ainda mais por todos nós nesse seu primeiro disco solo: “Malandro 5 Estrelas”.

___________________________

Encontre o Artista:

Ouça o Disco:

Leia Também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: