Lançamentos resenha

em agosto chove estreia com disco onde o corpo se perde e a mente se esvai leve

“Ritus Movedissus” é uma viagem maluca no espaço-tempo onde não sabemos o espaço onde estamos, se é que estamos em algum espaço e o tempo é marcado pelas notas, timbres, distorções e doidera sonoras que a em agosto chove transpôs nesse disco insano.
Foto divulgação por Vic Pesan

Ritus Movedissus” é nome do álbum de estreia da banda tocantinense em agosto chove.

Caos [substantivo masculino]
Confusão geral dos elementos da matéria, antes da suposta criação do Universo, do aparecimento dos seres, da realidade ou da natureza; cosmos.
[Figurado] Estado de completa desordem, confusão de ideias.
[Figurado] Amontoado de coisas que se misturam; bagunça.
[Física] Sistema sem estabilidade, dinâmico, que se altera no tempo a cada pequena alteração das suas condições iniciais.

O caos se estabelece no início, a sonoridade vai se construindo cada vez mais alta e traz certo incômodo, se estiver com fones de ouvidos interauriculares tome cuidado. Mas logo passa, e quando passa entra, aos poucos, uma sonoridade muito baseada no stoner rock com toda a sua virtuosidade e marcações rítmicas já características do estilo.

As camadas vão sendo construídas de forma sobrepostas, uma sobre a outra, e cada detalhe, efeito, acorde, distorção tem sua função dentro da música, seja para dar novamente a cara de stoner rock ou ir para outros caminhos como a psicodelia e a fritação com sintetizadores e guitarras com notas distorcidas. Tudo é propício para uma viagem, algumas vezes até incomoda, confesso, mas é extremamente delirante para quem gosta de músicas que vão além de serem só músicas, chegando ao ponto de transpassarem sensações.

Uma doidera que às vezes traz sim um pouquinho de avant-garde, criando atmosferas sonoras inóspitas, mas também outras atmosferas intergalácticas dentro da nossa cabeça. Se você gosta e quer viajar você irá gostar e viajar, seja nas faixas mais cruas e leves ou nas mais densas e complexas.

A instrumentação de todo o disco é incrível, mas em algumas canções isso é mais que destaque, como em “Soro”, faixa 100% instrumental e uma das minhas preferidas do álbum. Em certos momentos me veio a lembrança de canções do Tagore e My Magical Glowing Lens, e parecia que a faixa que estava tocando era um mix do trabalho desses dois artistas. Eu gosto muito de ouvir algo que me remeta a trabalhos de vários outros artistas, não necessariamente eles teriam sido inspiração, mas gosto de encontrar essas semelhanças.

Este disco é foda, resumidamente é isso. É viagem loka pra relaxar (pra quem curte relaxar com psicodelia, claro) e pode muito bem ser inspiração para outras coisas artísticas, pois com certeza estimula a nossa mente. Dar play em “Ritus Movedissus” é a melhor decisão que você vai ter hoje.

O Disco

Capa do disco por Mario Barroso

Ritus Movedissus” é a materialização das propostas filosóficas e sonoras experienciadas pelo grupo durante 2 anos, antes e durante o isolamento social. Possui 9 faixas gravadas por diferentes integrantes, em casa e em estúdio, sendo finalizadas no Estúdio Blackbird e lançadas pelo selo independente Wheels Of Confusion Records.

“O álbum enfim realizado é uma amostra riquíssima da sonoridade de todos os integrantes. Muito daquilo que foi tocado no meu estúdio jamais será feito de novo. Talvez seja essa a essência retratada no nome da banda: em agosto chove raramente, mas é certo que esse ano choverá” comenta MamedKarin, padrinho da banda e pai do baterista Antonio Chaaban.

em agosto chove é Iury Grooveman, Gabriel Worm, Luís “O Alquimista”, Lucas Andrade, Luzo Cairo, Antonio Karin e Caio Cesar.

Ritus Movedissus” é uma viagem maluca no espaço-tempo onde não sabemos o espaço onde estamos, se é que estamos em algum espaço e o tempo é marcado pelas notas, timbres, distorções e doidera sonoras que a em agosto chove transpôs nesse disco insano.

Encontre a banda:

Ouça o Disco:

Leia Também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: