Lançamentos

Lançamento | Judas: Os Desencantos – Dez Cantos Desencantados

O disco “Os Desencantos – Dez Cantos Desencantados” é música popular em sua forma prima, mas agregando elementos que também o colocam em caminhos e melodias que flertam com o rock, o caipira e até o psicodélico e funk.
Foto Divulgação por Thais Mallon

Os Desencantos – Dez Cantos Desencantados” é o nome do novo disco da banda brasiliense Judas.

Os caminhos que cada canção percorre até ser finalizada são diversos, os músicos recebem influências de todos os lados, do que vivem agora, do que já viveram e do que viram os outros viverem.

E observar os outros talvez seja a forma mais difícil, tentar entender e compreender tudo aquilo que estava envolvido e que você nem mesmo sabe exatamente o que era ou os motivos para aquilo ter acontecido. Por isso é preciso captar o que se vê de melhor e adaptar para o seu universo único, com a sua cara.

Foi exatamente isso que a banda Judas fez com o disco “Os Desencantos – Dez Cantos Desencantados”.

Capa do Disco por Felipe Araújo (Mente Líquida)

Trouxeram a riqueza do que já ouvimos da MPB, do rock, da música popular caipira e juntaram tudo de uma forma plena que nos deixa extremamente afeiçoados por todas as canções, dificilmente você terá uma preferida do disco, pois todas são extremamente excelentes.

“O nosso disco conta com 10 cantos tristes e desiludidos com o estado atual das coisas e do mundo. Daí o trocadilho: os cantos se transformam em desencantos, cujo significado descrito no dicionário é relacionado a uma pessoa que sofreu alguma decepção”. Conta o vocalista Adalberto Rabelo Filho.

Aliás, Adalberto Rabelo Filho mostra novamente sua grande habilidade como compositor. Depois de assinar músicas para Jards Macalé, Wado, Maria Alcina e Vespas Mandarinas, o cantor foi o único artista do grupo a participar da composição de todas as faixas do disco.

Além de Adalberto, a banda é formada por Carlos Beleza (guitarra), Hélio Miranda (bateria), Bruno Prieto (baixo) e Pedro Vaz (viola caipira). O grupo existe desde de 2009 e ainda possui o álbum “Nonada” (2014) no catálogo.

Desta forma, a Judas tem construído sua sonoridade influenciando-se principalmente em artistas como Bob Dylan, Sérgio Sampaio, Childish Gambino e Thundercat

Ouça a Canção “Cada Cidade um Porto”

O disco ainda conta com participações especiais: Pedro Souto (baixo) e BC Araújo (guitarra) nas músicas “Casa de Tolerância nº1”, “Oroboro” e “Cada Cidade, Um Porto”. Maria Sabina, Stievenson Canavarro (Almirante Shiva), Tarso Jones (Joe Silhueta), Gaivota Naves (Joe Silhueta), Litieh, Emília Monteiro, Júlia Carvalho (Talo de Mamona), Thuyan Santiago (Toro), Pedro Lacerda (Galopardo) e Estephanie Cavalcante estão todos em coro na canção “Os Novos Malditos”. Maria Sabina e Guilherme Cobelo em backing vocal da faixa “Cada Cidade, Um Porto”.

O disco “Os Desencantos – Dez Cantos Desencantados” é música popular em sua forma prima, mas agregando elementos que também o colocam em caminhos e melodias que flertam com o rock, o caipira e até o psicodélico e funk.

__________________

Encontre a Banda:

Ouça o Disco:

Leia Também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: