Lançamentos resenha

Duo Atalhos redescobre a América Latina em quarto álbum de estúdio

Carregado de sonoridades que percorrem o indie e o psicodélico, "A Tentação do Fracasso" é um disco que remete a jornada em busca do desconhecido e a aventura que é fazer música neste século.
Foto divulgação por Tata Leon Evagelidis

A Tentação do Fracasso” é o nome do quarto álbum de estúdio do duo paulista Atalhos.

A banda que o novo disco nunca chegava.

Conheci a Atalhos em 2020 logo que lançaram o single “Mesmo Coração“, pra mim foi impossível não ficar viciado nessa música, provavelmente se você está aqui lendo isso já deve conhecer, mas se por acaso não conheça ouça e me conte. Então é isso, desde 2020 eu esperando o disco que nunca saía, mas o fato é que muitos de nós temos uma sede incansável de novidades que ultrapassa a realidade, ainda mais a realidade de uma banda independente. Tudo foi feito no seu tempo e, obviamente, de forma acertada, pois o resultado final é excelente, não apenas do disco em si, mas também da própria trajetória da banda que agora vai até sair em turnê internacional.

A Tentação do Fracasso” é um disco que ousa brincar com nossos ouvidos, meio como uma hipérbole de morrer de tanto delírio auditivo causado por cada uma das camadas sonoras em seus contextos próprios mas extremamente interligados sob um fio condutor que não sei bem referenciar, que bom que não é preciso fazer isso, afinal cada um entende a obra de forma única.

De frenéticos sintetizadores fritando no asfalto quente de uma avenida esburacada da cidade de São Paulo ao saxofone visceral tal como de um músico de rua na saída de algum estação do metrô de Santiago. Esse álbum é uma viagem de carro, talvez com um fusca marrom claro com um para-choque de alumínio bem polido extremamente brilhante que reflete as luzes dos postes na noite úmida de Buenos Aires, que cruza a américa latina parando nos postos de combustíveis mais decaídos para comprar cigarros de marcas completamente desconhecidas. Essa é a brisa do disco, essa é a viagem, é isso que eu esperava dele, é exatamente isso que me entregaram.

Assista ao clipe de Mesmo Coração

Toda música me lembra outra música do próprio disco, tudo como uma malha viária bem emaranhada que trava no pico das 18h, mas através de atalhos por ruas estreitas em meio aos bairros onde as árvores comem todo o espaço da calçada a gente vai seguindo e não se importando tanto por não estar no caminho principal, afinal conhecer novas passagens é o que faz tudo ser bem mais interessante.

Simplesmente eu consegui dizer um monte de coisa e no final não disse absolutamente nada, mas “vem amor um novo tempo, corre nessa estrada… pode ser nossa última chance”.

O Disco

Feito através de conexões na américa latina, “A Tentação do Fracasso” foi produzido por Gabriel Soares e pelo chileno Ives Sepúlveda e mixado no Estúdio Panda, em Buenos Aires. A masterização ficou por conta de Greg Calbi, que além de ter trabalhado com ícones da música pop com John Lennon, Lou Reed, Bob Dylan, Bruce Springsteen, David Bowie, Television, Iggy Pop, Blondie, Ramones e Talking Heads, também trabalhou com artistas contemporâneos como Tame Impala, Bon Iver, Strokes, Aimee Mann, Yo La Tengo, Fleet Foxes e New Pornographers. O lançamento é pelo selo espanhol Costa Futuro. O álbum ainda teve as participações da argentina Delfina Campos e de Mariano Di Cesare (que apresenta-se como El Príncipe Idiota).

Carregado de sonoridades que percorrem o indie e o psicodélico, “A Tentação do Fracasso” é um disco que remete a jornada em busca do desconhecido e a aventura que é fazer música neste século.

_________________________________

Encontre a Banda:

Ouça o Disco:

Leia Também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: